Seccional destaca investimentos em tecnologia para modernização e integração de informações entre subseções, em Encontro Regional

03/05/2021

Os investimentos em tecnologia, visando a modernização da OAB-PR, foram destaque do I Encontro Regional dos Presidentes de Subseções, realizado em Londrina, na tarde de sexta-feira (30).

O presidente da Seccional, Cássio Telles; a vice-presidente, Marilena Winter; e o tesoureiro, Henrique Gaede, destacaram a importância do trabalho que está sendo realizado. “São investimentos pouco visíveis, mas fundamentais para a modernização e transparência da entidade”, comentou Telles

Entre as ferramentas que estão em fase adiantada de implantação estão as referentes à do Compliance, Portal da Transparência, software para gestão de compras e do BI (Business Intelligence), uma das mais modernas ferramentas para sistematização de informações. “ Estamos preparando a Seccional para uma nova era e a deixaremos pronta para a próxima gestão”, destacou Cássio.

Sobre o setor de Compliance, o presidente ressalvou que o comitê será independente, terceirizado, para que denúncias sejam apuradas sem qualquer risco de interferência. O Portal de Compras também trará mais agilidade e transparência nas demandas da Ordem no Estado. “Trata-se uma ferramenta fundamental para profissionalizar o setor. Hoje é tudo feito manualmente”, comentou o presidente.

Marilena Winter ressaltou que, apesar da pandemia, foi possível avançar bastante e alcançar várias metas estabelecidas. Ela citou, como grande avanço, a implantação do BI, que coleta, organiza, analisa, compartilha e monitora informações que oferecem suporte à gestão de negócios. “Essa nova gestão da Ordem vai integrar informações de todas as subseções. Será a primeira Seccional a ter um robô de Inteligência Artificial que irá sistematizar todos os dados. A pandemia alertou a advocacia e OAB de que não temos como fechar os olhos para a utilização das ferramentas tecnológicas para a gestão da ordem”, comentou.

Alexandre Salomão, diretor de Prerrogativas da Seccional, também presente ao encontro, citou, entre outros, os avanços na área, com o lançamento do sistema eletrônico de ocorrência, facilitando os encaminhamentos dos problemas enfrentados pela advocacia. “É mais um mecanismo para que a gente tenha uma advocacia cada vez mais valorizada e respeitada”.

Os diretores ressaltaram ainda a plataforma de atendimento de consultas dos advogados, que será lançada em breve, colocando a OAB-PR como pioneira na oferta deste sistema aos advogados e advogadas do Estado. Também foi destacado o trabalho da Seccional junto ao TJ para estender o Balcão Eletrônico às Varas Estaduais.

Eleições

Sobre as próximas eleições da OAB, Telles falou do grande avanço com as novas regras que estabelecem paridade de gênero e cotas raciais. Sobre as cotas, a Seccional ressalta sua importância, mas alerta que as características tão distintas das várias regiões do país podem dificultar o cumprimento da meta de 30% de negros nos cargos de diretoria.

“Isso pode ser um obstáculo, porque temos subseções nos estados do Sul e também no Mato Grosso do Sul, por exemplo, que não têm um número significativo de negros atuando na advocacia ou mesmo presentes nas entidades”, comentou. Diante dessa realidade, a Seccional Paraná solicitou mais orientações ao Conselho Federal e também que sejam feitas adaptações para os Estados que tenham dificuldades para o cumprimento da cota estabelecida.

Estiveram presentes ao encontro os conselheiros federais Artur Piancastelli e Airton Martins Molina. Eles falaram sobre os trabalhos no Conselho Federal e destacaram a importância de as pautas da advocacia serem prioridades nos debates, em detrimento das pautas político-partidárias.

Auxílio Emergencial

Em sua participação no evento, o vice-presidente da CAA-PR, Nelson Sahyun Junior anunciou, junto com Cássio Telles, que serão destinados mais R$ 810 mil para o Auxílio Extraordinário, que faz parte do pacote pandemia, o que corresponderá a 1.350 créditos em favor dos advogados e advogadas que comprovarem os requisitos. Desse valor, 50% vieram da OAB e os outros 50% são recursos da CAA-PR. Até o início desse ano , foram concedidos 1.200 créditos, no valor de R$ 600,00 cada.

O I Encontro teve a participação dos presidentes  Vânia Queiroz (Londrina), Dirceu Rosa Junior (Jacarezinho), Francisco Edson Vidal Sampaio (Bandeirantes), Luis Enrique Bruno Servilha (Cornélio Procópio), José Vitor Al Majida de Almeida Junior (Arapongas), Geiel Heidgger Ferreira (Ibaiti) , Luiz Henrique Maciel Branco (Ivaiporã), Ailson Jesus Levatti (Santo Antônio da Platina) e Paulo Madeira (Wenceslau Braz).

O evento terminou com relatos de cada presidente sobre as subseções que presidem. A anfitriã e presidente da Subseção Londrina, Vânia Queiroz, encerrou o encontro destacando a importância de a Ordem promover ações que olhem com muita atenção para o momento atual, de muitas dificuldades para a advocacia. “A Advocacia vem sofrendo os reflexos econômicos desta prolongada crise sanitária e estamos vendo muitos escritórios encerrando  ou reduzindo as suas atividades e seu quadro de advogados”, disse Vânia. Ela informou a ocorrência, na área de abrangência da Subseção, do aumento de  propagandas que ferem o Estatuto dos Advogados, mas ressalvou que, neste momento, a Ordem não deve ser punitiva e sim fazer as devidas orientações. “As punições devem ocorrer em casos de reincidência”, observou.

OAB-Londrina